Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Como mandar alguém à merda sem na realidade proferir tais palavras...

02.01.13publicado por Gato Pardo

 

Sim. Porque é pouco profissional mandar alguém à merda.

No entanto, existem alturas em que medidas drásticas são necessárias. No meu caso, basta não ter bebido a dose diária recomendada de cafeína que o risco de implosão do edifício sobe consideravelmente. Isso e pisarem-me os calos.

Eis os primeiros três conselhos felinos do ano sobre como (merecidamente) mandar alguém à merda sem na realidade proferir as palavras em si...

 

- Faça um workshop intensivo de mimo. A pintura abichanada fica ao seu critério. Limite-se a fazer o seu sorriso mais filho da p*ta e estenda uma mão à sua escolha de palma aberta virada para si. Vá fechando os dedos um a um até ficar apenas com o dedo médio erecto em todo o seu esplendor.

- Furar pneus é coisa do século XX. Compre uma pistola de pregos no IKEA e despeje meia dúzia de cartuchos no chassi do carro. Porque nada diz fuck you como o primeiro carro queijo suíço do mercado...

- O conselho mais extremo não é recomendável aos leitores com problemas cardíacos, colesterol elevado ou tesão derivada de consumo abusivo de Viagra. Para já, é a frase célebre de 2013.

- Caríssimos, nem vale a pena mandar-vos à merda porque a vossa massa encefálica já está tão atolada disso que transbordava...Obrigado. Estarei aqui às terças e quintas. Ah, e também faço funerais e baptizados...

 

Estou a gostar da forma que 2013 começou. Promete...

6 comentários

Comentar este post